O Núcleo de de Marília e Região e a Associação Paulista de Medicina de Marília apresentarão, em um previsto para julho, o “CIDADÃO KANE” (CITIZEN KANE – WELLES, ORSON. EUA, 1941).

Trata-se de um filme importante e que merece ser discutido em sua temática. Confira, a seguir, a sinopse do mesmo:

Cidadão Kane relata a história fictícia de um influente magnata da sociedade na Nova York dos anos 1930, cuja morte desperta o interesse de um grupo de repórteres em decifrar a última palavra pronunciada pelo empresário em seu leito de morte: Rosebud.

A história se inicia com a narrativa televisiva e sensacionalista da vida de Kane. Ou seja, o diretor Orson Welles faz com que o expectador experimente a curiosidade e a necessidade de mergulhar, junto com os repórteres fictícios, numa investigação dos fatos que marcaram a fascinante ascensão do homem de origem humilde, que desbravou o mundo com ousadia e empreendedorismo, até sua derradeira e solitária queda.

A União do cinema e da psicanálise em uma obra desta relevância, evidencia a importância das interpretações na construção dos significados inconscientes contidos na exposição pública da vida de Kane. Com maestria, o filme apresenta as cenas da infância do protagonista, em imagens nebulosas, como se o diretor quisesse destacar a natureza confusa e atemporal das fantasias inconscientes que caracterizam o universo psicológico do personagem.

CONVIDADOS

Estarão responsáveis pelos comentários, durante o evento, os seguintes profissionais:

CIBELE DI BATTISTA BRANDÃO – Psicanalista – Membro Efetivo e Analista Didata da SBPSP. Membro do Núcleo de Psicanálise de Marília e Região.

GERALDO ÉLVIO BALESTRIERO – Professor Aposentado de História do Pensamento Econômico e História do Direito.

Um dos convidados recebidos, conforme mencionado anteriormente, será Geraldo Balestriero. Segue, abaixo, uma pequena entrevista concedida pelo mesmo, na qual comenta sobre “Cidadão Kane”, o filme a ser exibido:

Então, quais as razões para assistirmos e discutirmos “Cidadão Kane”?

O filme estava presente em quase todas as listas dos melhores filmes da história. Não me parece o melhor. Ele é um dos mais importantes por suas virtudes e pelos defeitos. Foi o filme que mais modificou as maneiras de fazer e de ver cinema. Nenhum filme exigiu tanto do público como “Cidadão Kane”. Embora a psicanálise não fosse novidade nos Estados Unidos, em 1939 e 1940 muitos intelectuais tiveram que migrar da Áustria, Alemanha, Polônia, Ucrânia e outros países fugindo do nazismo em ascensão. O cinema adotou suas ideias. Por essas razões “Cidadão Kane” foi um marco muito importante da chegada da modernidade ao cinema, que completava 45 anos de criação.


INTERESSOU-SE?

Então compareça! O evento é GRATUITO e aberto ao público.

INFORMAÇÕES ESPECÍFICAS SOBRE O EVENTO:

Data do Cine Debate: 01/07/2017 (sábado) às 15 horas.

Local: APM – Avenida Pedro de Toledo, 179.

 

Acesse o site do . Clique AQUI.

*Informações concedidas por Érica Flávia (Comissão Cultural do NPMR).

NPMR e APMMAR convidam: Cine Debate – “Cidadão Kane”
Classificado como: